21 dezembro, 2009

0 O QUE É O EVANGELHO? JOÃO CALVINO




“...que ele antes havia prometido pelos seus profetas nas santas Escrituras,... (Rm 1.2,3).

O QUAL ELE PROMETEU ANTERIORMENTE – Uma doutrina que é suspeita de ser recente introdução perde considerável porção de sua autoridade; por Isso Paulo estabelece a credibilidade do evangelho com base em sua antigüidade. É quase como se ele estivesse dizendo que Cristo não desceu à terra inesperadamente, nem introduziu um novo gênero de doutrina que jamais fora ouvida antes, porquanto Cristo e seu evangelho foram prometidos e sempre esperados desde os primórdios do mundo. Contudo, visto que antigüidade com  freqüência adquire um aspecto mítico, ele introduz os profetas de Deus como suas testemunhas – e testemunhas de suprema integridade, a fim de remover qualquer suspeita. Além disso, ele acrescenta que o testemunho deles assumiu o caráter de sentença escrita, ou seja, a santa Escritura. 

Desta passagem podemos deduzir o que o evangelho é, pois Paulo nos ensina que ele não fora PREGADO pelos profetas, mas só PROMETIDO. Se, pois, os profetas prometeram o evangelho, segue-se que o mesmo foi revelado quando o Senhor finalmente manifestou-se na carne. Portanto, aqueles que confundem as promessas com o próprio evangelho se equivocam, visto que o evangelho propriamente dito é a pregação estabelecida do Cristo manifestado, em quem as próprias promessas são concretizadas.



0 comentários:

Feeds Comments

Related Posts with Thumbnails